Explodido - "Quem tem medo do escuro?", de Sidney Sheldon


Leitura: 14 e 18 de Abril
Páginas: 315
Editor: Circulo de leitores


Tiro Opinitivo:


Este livro foi o primeiro que li do Sidney Sheldon. A escolha, para começar, recaiu neste livro porque relata um acontecimento trágico que irá ocorrer em Portugal. E, não só, a capa e o título deram-me motivação para o ler. Na verdade, após de ler, ainda não percebi o significado do título nem o conteúdo da capa, pois não condizem absolutamente nada com a história. O título deveria estar, por exemplo, relacionado com o perigo de catástrofe global.

A história começa com quatro mortes em diferentes partes do mundo: Nova York, Denver, Berlim e Paris. As vítimas eram cientistas e trabalhavam para a KIG, Kingsley International Group, uma importante empresa de pesquisa de alta tecnologia, envolvida em estratégia militar, telecomunicações e questões ambientais.

Uma modelo afro-americana e uma pintora loira, viúvas de duas das vítimas, são convidadas para um encontro com o presidente da KIG, em Nova York. Mas as duas passam a ser alvo de sucessivas tentativas de assassinato. Tornam-se aliadas num jogo de vida e de morte.

“Ao mesmo tempo um louco controla o tempo… Portugal está sob chantagem… o Presidente da República recusa ceder… Colheitas destruídas… Inundações brutais… O fim está próximo… e começa em Portugal”

Não tenho parado de ler, também os capítulos curtos ajudaram para o avanço impulsivo de leitura.

Apesar de a relação de amizade entre as viúvas ser superficial e a fuga delas ser bastante exagerada e irreal, é um thriller interessante sobretudo na parte científica e consequências catastróficas.

Estou interessado por ler mais livros deste autor, esperando que os próximos sejam ainda melhores que este.

Se já leram, qual dos livros deste autor que gostaram mais?



ClassificaçãoCartucho de Cobre



5 comentários:

  1. Realmente nunca tinha ouvido falar nem deste autor, nem deste livro, logo nunca li nada dele.

    Mas pela tua opinião e pelo resumo da história parece ser interessante.

    Estamos sempre a aprender, nem que seja a descobrir autores e livros novos.

    ResponderEliminar
  2. Nunca li nada deste autor...

    Embora já conhecesse o livrinho nunca me despertou muito a atenção, mas a tua opinião causou o efeito contrário :)

    A ver se o leio ;)

    ResponderEliminar
  3. Já li este autor há muito tempo... Lembro-me que era um livro enorme, mas devorei-o num instante... Acho que o título era "O Dia do Juízo Final" ou algo do género. Ele tem uma escrita cinematográfica. Aliás, muitos dos seus livros foram adaptados ao cinema, penso eu ;)

    ResponderEliminar
  4. Já li dois ou tres livros deste autor, há muitos anos, o unico que lembro agora é "Um Estranho no Espelho" mas gostei bastante de todos eles.
    Estava muito na moda nos anos 80 porque a minha tia tinha uma serie deles na estante e foi de lá que li alguns.
    Boas leituras! :)

    ResponderEliminar
  5. Eu já um livro deste autor e adorei!

    ResponderEliminar